Skip to content

Pinacoteca Municipal

A Pinacoteca Municipal foi inaugurada em 2002, integrando a estrutura da Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul. Teve como proposta inicial abrigar uma coleção de arte premiada nos Salões de Arte Contemporânea que ocorreram em São Caetano do Sul entre 1967 e 1980. Pode ser considerada referência entre os espaços culturais do Grande ABC.

Ao longo de mais de uma década, a Pinacoteca possibilitou a realização de importantes exposições, incentivando novos artistas e trazendo para a cidade nomes consagrados da arte contemporânea nacional e internacional a exemplo de Anita Malfatti, Maria Bonomi, Aldemir Martins, Gregório Gruber, Antonio Lucio Pegoraro, Collete Pujol, Hannah Brandt e Iole di Natale. Tornou-se um espaço respeitado e hoje é importante polo de interesse artístico e intelectual no Estado de São Paulo.

Nesses 15 anos de atividade, o acervo vem sendo ampliado, seja por meio de aquisições ou por doações, fato que dinamiza o desenvolvimento de atividades e pesquisas no acervo. Catalogado e registrado, conta com mais de 400 obras, preservadas em uma reserva técnica criada segundo normas museológicas e padrões internacionais.

Enquanto espaço de produção e difusão cultural, os objetivos da Pinacoteca são bem claros e definidos: preservar, manter e exibir obras de arte, e também formar públicos apreciadores e críticos responsáveis. Para essas missões conta com profissionais da área museológica e educativa, e com uma estrutura de ateliê para atividades de criação, palestras, cursos e encontros com artistas. Além disso, o próprio espaço da Pinacoteca contribui para este objetivo ao permitir a realização de duas exposições simultâneas.

Com uma visitação que gira em torno de 7 mil pessoas por ano, a Pinacoteca desenvolve ainda o programa Agir e Interagir – Arte e Criação que oferece aos estudantes e professores visitas monitoradas ao espaço expositivo, que são encerradas com experimentações artísticas no Ateliê Pedagógico, localizado no Espaço Cultural – Casa de Vidro.

A Pinacoteca Municipal tem por norma básica o conhecimento, a pesquisa e a interação entre o fazer artístico e a vivência social.