Skip to content

Notícias


dezembro 18

PRÓ-MEMÓRIA AMPLIA ATIVIDADES EM 2018 E PROJETA AÇÕES PARA 2019

  • terça-feira, 18 de dezembro de 2018

A Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul chega ao fim de 2018 com ampliação de suas atividades, abertura de novos espaços, retomada de novos produtos e maior inserção em eventos estaduais e regionais. Fortalecendo assim, sua missão de preservar e salvaguardar a memória do município e de sua população. Mais do que isso, a instituição hoje é um equipamento cultural de extrema relevância para a cidade.

No total foram realizadas 28 exposições entre virtuais e físicas nos espaços expositivos da Pró-Memória atraindo milhares de pessoas. A instituição também marcou presença com mostras itinerantes no Atende Fácil, Câmara Municipal e na 74ª. Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos realizada em novembro desse ano em São Caetano.
2018 foi marcado também pela reativação de mais um centro de exposições: o Espaço do Forno. O único forno intermitente da antiga Cerâmica São Caetano foi reaberto revitalizado em julho com a exposição Cerâmica São Caetano: a história de um patrimônio da cidade retratando a história da indústria que foi um dos principais motores do desenvolvimento econômico e social do município entre as décadas de 1920 e 1990 do século passado se somando assim com os outros três espaços expositivos: (Pinacoteca Municipal, Museu Histórico Municipal e Ateliê Pedagógico - Espaço Cultural Casa de Vidro)

“Faz parte de nosso objetivo levar cultura e entretenimento à comunidade, sempre com viés histórico e memorialista, mas também promovendo o bem-estar social, o conhecimento e a interação entre as pessoas”, disse o presidente da Pró-Memória, Charly Farid Cury.
Em agosto, a FPM lançou seu novo site (www.fpm.org.br) , mais moderno e dinâmico e com conteúdo especial. A plataforma já alcançou mais de 30 mil acessos até o dia 15 de dezembro. 

Projeto editorial
Considerada por especialistas como uma das mais importantes publicações de sua área, Raízes continuou sua trajetória de sucesso em 2018 com o lançamento de mais duas edições. A de número 57 celebrou os 50 anos da USCS (Universidade Municipal de São Caetano do Sul) já o nº 58 teve como homenageado principal o ex-prefeito Hermógenes Walter Braido. A Agenda Histórica, em sua edição de 2019 lançada em dezembro relembra os 135 anos da Estação Ferroviária da cidade.
O grande destaque na área foi a retomada da edição de livros com a publicação da obra São Caetano em Crônicas em outubro com textos provenientes de coletânea de notícias, artigos e crônicas, publicados no Jornal de São Caetano, no período de 1946 a 1979

Outras ações
A Fundação Pró-Memória esteve presente em diversos eventos da municipalidade como a Festa Italiana, a Medalha Di Thiene e o Governo em Movimento por meio do Cidadão da História e do Jogo da História de São Caetano, além da participação em congressos, pesquisas e encontros.

2019
Para o ano que se iniciará em breve, a Pró-Memória virá com a ampliação de suas atividades e com novidades, como a abertura de mais um espaço expositivo. “Já estamos trabalhando para utilizarmos nossa sala de exposições no Espaço Verde Chico Mendes e vamos fortalecer os demais locais como o Museu Histórico Municipal. Vamos contar com atrações o ano inteiro sem esquecer a prestação de serviços de pesquisa e memória”, concluiu Charly.

dezembro 11

COM HOMENAGENS, RAÍZES 58 É LANÇADA EM SÃO CAETANO

  • terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Celebrando uma das maiores personalidades da história de São Caetano do Sul, o ex-prefeito Hermógenes Walter Braido (1927-2008), a Fundação Pró-Memória promoveu na noite desta segunda-feira (10/12) no auditório do Campus Centro da USCS o lançamento da edição 58 da Revista Raízes.
Prefeito por três vezes (1965-1969, 1973-1977 e 1983-1988) e pessoa que mais tempo esteve à frente do Executivo municipal (14 anos), Braido é o tema da principal seção da publicação – Em Foco – que conta com artigos retratando suas trajetórias pessoal e política e detalhando cada uma de suas três administrações à frente da prefeitura de São Caetano, depoimentos de ex-colaboradores e diversas fotos.

“Sem dúvida nenhuma Braido sempre mostrou em cada uma de suas administrações a grandeza do espírito público, a vontade em encarar desafios e a boa gestão e o empreendedorismo. Em seu primeiro mandato, por exemplo, tivemos um aumento substancial na construção de escolas, e utilizamos até hoje boa parte da estrutura educacional daquela época”, disse o prefeito José Auricchio Júnior.

“Nesses 30 anos Raízes vem cumprindo seu ideal de preservar, divulgar e retratar a história, seus fatos conhecidos, os detalhes que passariam despercebidos e os personagens que contribuíram e contribuem para nosso município”, destacou Charly Farid Cury, presidente da Fundação Pró-Memória.
Fazendo um breve relato de suas ações enquanto prefeito e relembrando reminiscências, João José Dario, genro de Braido, fez questão de destacar o lado pessoal e humano do homenageado: “Não podemos esquecer o enorme coração, a bondade e o amor que ele tinha por São Caetano, por meio de sua lealdade à cidade. A família se emociona e agradece o carinho”, afirmou.

Homenagem 
Filha do homenageado, Márcia Braido, recebeu flores ofertadas pela primeira-dama do município, Denise Auricchio. Na presença de diversos integrantes da família, Márcia agradeceu a homenagem ao seu pai. “Foi muito bonita. Ele é merecedor desse reconhecimento”, finalizou.
A ex-primeira dama do municípío, Graça Pinheiro, o músico Canhotinho e o ex-jogador de futebol João Dandov, que foram citados na publicação, também receberam homenagens.

Outras seções
Raízes, que conta com 144 páginas, continua com diversos relatos e seções como a história de entidades como o Fundo Social de Solidariedade, os grupos de escoteiros da cidade e o Conselho da Comunidade Negra, além de celebrações sobre a autonomia municipal, que completou 70 anos em 2018. Além das seções Homenagem, História Oral, Curiosidades, Artigos, Cultura, Esportes, Poesias e Crônicas, Regionais, Memória Fotográfica, Raízes e Retratos e Registro.  
A distribuição é gratuita na sede da Fundação Pró-Memória (Av. Dr. Augusto de Toledo, nº 255 – Bairro Santa Paula), de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, ou no Museu Histórico Municipal (Rua Maximiliano Lorenzini, nº 122 – Bairro da Fundação), das 9h às 17h. Mais informações pelo telefone 4223-4780 ou pelo e-mail raizes@fpm.org.br.

dezembro 05

PRÓ-MEMÓRIA REALIZA ÚLTIMA REUNIÃO DE 2018 DOS CONSELHOS DIRETOR E CONSULTIVO

  • quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

A Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul realizou na última terça-feira (4/12) em sua sede a última reunião ordinárias de seus Conselhos Diretor e Consultivo em 2018 além da Comissão Editorial. Na ocasião, o presidente da instituição, Charly Farid Cury, detalhou aos conselheiros e demais presentes as ações e os balanços do ano atual e as projeções para 2019.

“Foi um ano intenso para a Pró-Memória com exposições, a reativação do Espaço do Forno e de nossos projetos editoriais. Atendemos centenas de pessoas e com isso cumprimos nosso ideal de preservar e difundir a história e a cultura de São Caetano”, disse Charly.
Além disso, a FPM também participou de projetos como o Cidadão da História que integra o programa Governo em Movimento da Prefeitura e exposições temáticas como a que ilustrou a 74ª. Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos realizada em novembro no município.

“Em 2019 vamos manter nossos serviços e ampliar sua variedade com lançamentos e novidades”, finalizou o presidente da Pró-Memória.

dezembro 04

EX-PREFEITO WALTER BRAIDO É DESTAQUE NA RAÍZES 58

  • terça-feira, 4 de dezembro de 2018

Prefeito de São Caetano do Sul por três vezes (1965-1969, 1973-1977 e 1983-1988) e pessoa que mais tempo esteve à frente do Executivo municipal (14 anos) Hermógenes Walter Braido (1927-2008) é o grande tema da edição de número 58 da revista Raízes, que será lançada pela Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul na próxima segunda-feira (10/12), às 19h30, no auditório do Campus Centro da Universidade Municipal de São Caetano do Sul (Uscs), localizado na Rua Santo Antônio nº50, no Bairro Centro.

A seção Em Foco, a principal da revista, conta com artigos retratando suas trajetórias pessoal e política e detalhando cada uma de suas três administrações à frente da prefeitura de São Caetano. Além disso, há os depoimentos de ex-colaboradores de suas gestões como Oscar Garbelotto, que, entre outras funções, foi chefe de gabinete (1965), primeiro diretor do Depec (Departamento de Educação e Cultura), entre 1965 e 1969, e diretor do então Imes (atual USCS), entre 1973 e 1977, e de Luiz Antônio Cicaroni, chefe de gabinete de Braido em seus dois últimos mandatos (1973-1977 e 1983-1988). Fechando, a Memória Fotográfica Especial traz fotos de diversos momentos da vida do homenageado.

Raízes, que conta com 144 páginas, continua com diversos relatos e seções como a história de entidades como o Fundo Social de Solidariedade, os grupos de escoteiros da cidade e o Conselho da Comunidade Negra, além de celebrações sobre a autonomia municipal, que completou 70 anos em 2018. Além das seções Homenagem, História Oral, Curiosidades, Artigos, Cultura, Esportes, Poesias e Crônicas, Regionais, Memória Fotográfica, Raízes e Retratos e Registro.  

A distribuição será gratuita no dia do evento e, a partir de 11 de dezembro, na sede da Fundação Pró-Memória (Av. Dr. Augusto de Toledo, nº 255 – Bairro Santa Paula), de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, ou no Museu Histórico Municipal (Rua Maximiliano Lorenzini, nº 122 – Bairro da Fundação), das 9h às 17h. Mais informações pelo telefone 4223-4780 ou pelo e-mail raizes@fpm.org.br.

dezembro 03

PRÓ-MEMÓRIA CELEBRA FAMÍLIAS DE SÃO CAETANO EM EXPOSIÇÃO VIRTUAL DE DEZEMBRO

  • segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

Em comemoração ao Dia Nacional da Família, comemorado em 8 de dezembro, a Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul apresenta a exposição virtual Retratos de Família.
A data foi instituída em 1963 pelo decreto federal nº 52.748 e foi escolhida por coincidir com o Dia de Nossa Senhora da Imaculada Conceição. Antigamente este dia era considerado um feriado religioso.

Disponível no site: www.fpm.org.br, a mostra reúne flagrantes de famílias da cidade do início do século 20 até a década de 1960. As imagens nos mostram como a estrutura familiar mudou no decorrer dos anos. Atualmente existem vários tipos de família, de pai e mãe, duas mães, dois pais, pais ou mães solteiros, de tios e de avós. Não são laços de sangue que determinam se o indivíduo pertence a uma família, mas os laços de amor.

novembro 07

ESTAGIÁRIOS DO CIEE DE SÃO CAETANO CONHECEM ATRAÇÕES DA PRÓ-MEMÓRIA

  • quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Aproximadamente 60 jovens integrantes do programa Aprendiz Legal do CIEE (Centro de Integração Empresa-Escola) da unidade de São Caetano do Sul visitaram na manhã desta segunda-feira (5/11) a Pinacoteca Municipal e o Espaço Cultural Casa de Vidro – Ateliê Pedagógico.
Na visita monitorada, os estudantes puderam conhecer a 6ª Vitrine de Arte que conta com mais de 100 obras de 65 artistas residentes e está em cartaz até 8 de fevereiro de 2019.

Já na Casa de Vidro, os adolescentes conheceram a exposição de calcogravuras aquareladas Metallum Aqua Vitae ,de Francisca do Val, que está disponível para visitas até 11 de janeiro de 2019 e também aproveitaram para colocar a mão na massa em técnicas como desenho e xilogravura.

Grupos interessados em fazer visitas monitoradas aos espaços da Pró-Memória podem entrar em contato pelo telefone 4223 4780 de segunda a sexta-feira das 9h às 16h. A visitação é livre e gratuita.

outubro 31

EXPOSIÇÃO VIRTUAL DA PRÓ-MEMÓRIA EM NOVEMBRO CELEBRA O DIA DO HOMEM

  • quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Celebrado em 19 de novembro, o Dia do Homem é o tema da exposição virtual de novembro da Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul. Apesar de desconhecido de muita gente, a data é comemorada desde 1999. Promovida pelo Dr. Jerome Teelucksingh e com o apoio das Organizações das Nações Unidas (ONU) e de diversos grupos de defesa dos direitos masculinos o dia  tem o objetivo de chamar a atenção para os cuidados da saúde e do bem estar do homem: social, emocional, físico e espiritual. Dentre outras metas, ainda exalta as contribuições masculinas positivas para a sociedade, comunidade, família, casamento, guarda de crianças e meio ambiente.

Com o nome de Por um Novembro Azul (fazendo referência à campanha internacional de conscientização realizada neste mês dirigida aos homens, a mostra resgata momentos passados da atuação de homens na cidade, em suas diversas atividades, no ambiente familiar, nas práticas esportivas e de lazer, no trabalho e na política e está disponível no site da instituição: http://site.fpm.org.br/exposicaovirtual/Exposicao/14

outubro 24

COM MAIS DE 100 OBRAS, PRÓ-MEMÓRIA INAUGURA SEXTA EDIÇÃO DO VITRINE

  • quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Artistas em início de carreira e os já consagrados encontram oportunidade semelhante de exporem seus trabalhos na 6ª Vitrine de Arte – Mostra Coletiva de Artistas de São Caetano do Sul, promovida pela Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul, por meio da Pinacoteca Municipal (Av. Dr. Augusto de Toledo, n° 255, Bairro Santa Paula), que abre as portas na próxima terça-feira (30/10), às 19h30.

Iniciada em 2003 e com periodicidade bienal, Vitrine já apresentou trabalhos de centenas de artistas locais. Este ano, foram contempladas mais de 100 obras de 65 artistas residentes, nascidos ou que trabalham na cidade, maiores de 16 anos.

O evento tem o objetivo de fomentar e divulgar a produção artística contemporânea do município, bem como valorizar seus artistas e integrá-los à cena cultural da região, além de provocar discussão em torno do que está sendo exposto. Todos os itens são inéditos e produzidos a partir de 2015. Cada artista pôde inscrever até três obras. É possível encontrar produções com temas e materiais tradicionais e deparar-se com inusitados fazeres contemporâneos.

A 6ª Vitrine de Arte pode ser visitada até 08 de fevereiro  de 2019, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, e aos sábados, das 9h às 13h. Mais informações pelo telefone 4223-4780.

Confira abaixa a lista dos artistas aprovados:
1. Adelaide Maria Alves
2. Alan Cassiano
3. Altair Battaglia
4. Amarildo Corrêa
5. Ana Paula Lazari
6. Andrea Rocha
7. Armando Posterari
8. Arnaldo Fiorotti
9. Beatriz Almeida
10. Bete Bovo
11. Bruna Marassato
12. Bruno Novaes
13. Clelgen
14. COMTRARIO Pereira
15. Daniela Benedetti
16. Dark Mary
17. Elisete Ambar
18. Fabrício de Petta Barbosa
19. Fabricio Urbaneja
20. Fernanda Pimenta
21. Galot
22. Henrique Contini
23. Hugo Paz
24. João
25. Joice Trujillo
26. LAH
27. Leila Doro
28. Liriah Alvares
29. Luiz Pasqualini
30. Luiz Prieto
31. Maitê Andorra
32. Marcia Rosenberger
33. Marcos Sanchez
34. Mercedes Morte Abad
35. Miriã Abeid
36. MOA
37. Monica Jury
38. Neusa Romero
39. Nina Machado
40. Nitoli
41. Norma
42. O.Heinze
43. PLZucatto
44. Padial
45. Phil
46. Regiane
47. Regis Ribeiro
48. Renan Tobbias
49. Renata Volcov
50. Rinaldo Oliver
51. Rita Cristina Satorello
52. Ronaldo Martinez Sanchez
53. Roseli Di Martino
54. Rosely Lumiko
55. Samara Moraes
56. Scheila Bisson
57. Tarsilla Xavier
58. Thayla Eluá
59. Tomás Padovani
60. Veridiana De Petta Barbosa Ferone 
61. Vitoria Perricci
62. Vitória Fogaça
63. Vitorio Cestaroli Filho
64. Viviane Ribeiro
65. Yuki Ota

outubro 18

FUNDAÇÃO PRÓ-MEMÓRIA LANÇA LIVRO SÃO CAETANO EM CRÔNICAS

  • quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Celebrando os 70 anos da autonomia político-administrativa de São Caetano do Sul, a Fundação Pró-Memória promove na próxima quinta-feira (25/10) no Teatro Santos Dumont (Avenida Goiás, nº1111 – Bairro Santa Paula) às 19h30 o lançamento do livro São Caetano em Crônicas. A entrada é livre e a publicação será distribuída gratuitamente aos presentes.

Com organização da pesquisadora da Pró-Memória, Cristina Ortega, a obra é uma coletânea de notícias, artigos e crônicas, publicados no Jornal de São Caetano, no período de 1946 a 1979, que foi organizada tendo em vista aspectos da vida política, econômica, social e cotidiana da cidade, além de acontecimentos pitorescos que tiveram relevância na época. Informações históricas complementares enriquecem o conteúdo e situam o leitor em cada notícia.  

A publicação é um convite à análise de como um meio de comunicação pode ser importante ferramenta de compreensão da sociedade e à contextualização da memória local. Entre os 70 textos selecionados estão escritos de personalidades históricas do município como Ítalo Dal’Mas, Mário Botteon e Mário Porfírio Rodrigues.

Projeto Editorial
São Caetano em Crônicas marca a retomada do setor editorial de livros da Fundação Pró-Memória. Além da edição semestral da revista Raízes, publicada desde 1989, a instituição também já lançou 26 livros e planeja para 2019 a produção de mais duas obras.

outubro 16

FUNDAÇÃO PRÓ-MEMÓRIA APRESENTA EXPOSIÇÃO DE CALCOGRAVURAS AQUARELADAS

  • terça-feira, 16 de outubro de 2018

A Fundação Pró-Memória de São Caetano do Sul por meio do Espaço Cultural Casa de Vidro – Ateliê Pedagógico – apresenta sua mais nova exposição a partir desta sexta-feira (19/10) às 19h.

Metallum aqua vitae consiste em 45 obras da artista Francisca do Val. Bióloga, Bióloga, ela nos convida a adentrar em um mundo alquímico, criado a partir do metal, da água e dos corantes, pigmentos e vernizes, e, principalmente, da emoção, como catalisadores de uma receita gráfica, uma soma com mais de 2.500 anos que, gravada em papel, dispensa o uso do microscópio.

Influenciada por seu pai e outros mentores Francisca, por meio da calcogravura (gravura em metal) transfere para o cobre suas percepções estéticas, utilizando a ponta seca, o buril, o ácido e fragmentos de histórias, vividas ao longo da carreira e em família, impregnadas da busca humana pelo belo. Tendo como fio condutor a fauna e a flora, em contraste com o desatino do viver na paisagem urbana. Seria a planta dentro de um vaso na janela um ato de resistência? 

A mostra tem visitação livre e gratuita e vai até 11 de janeiro de 2019. O horário de funcionamento é de segunda a sexta das 9h às 16h. O Espaço Cultural Casa de Vidro – Ateliê Pedagógico  - está localizado na Praça do Professor (Avenida Goiás, altura do número 1.111). Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4223 4780.